quarta-feira, 11 de novembro de 2009

eu disse, até que fiz.



Há aqueles momentos em que nos dá para amuarmos e dizer 'Vou-me embora' mas que mal estamos a virar as costas, damos meia dúzia de passos,  e damos por nós a virar as costas outra vez. Até ao dia, em que nos cansamos de dar meia volta e andar para atrás, e andamos para a frente. 'Se for ele, ele volta'
Tenho aqui um ódio dentro de mim mesmo guardadinho para ti.

3 comentários:

Sonhadora disse...

Não te esqueças é que o ódio é um dos sentimentos mais próximos do amor ;)

Suzzie_S disse...

Sabes, eu também concordo!!! É isso mesmo miúda! Ele vai ver que está a perder e então volta para ter o que é bom....
Uma coisa é certa...tu és muito beautiful and so but SoOOOooo sweet like sugar etc e etc... e por isso toda a gente que te faça sofrer vai ficar ainda pior porque perde uma luzinha na sua vida, um grande sol...hehehe
Fica bem, minha luz! ;)

Silêncio Prateado disse...

Assim é que é... mas tanto ódio no corção não te faz bem.
Tenta ser feliz... com ou sem ele.

Deixo-te o meu silêncio