quarta-feira, 8 de julho de 2009

e a tarde se foi passando


Que me peçam para ficar com a pequena tudo bem, mas ligarem-me às nove e meia da manhã, é que não mesmo!
Foi assim que começou o meu dia. Não me importei de dizer que sim, e de voltar a dormir logo a seguir ao telefonema, entãooo... Depois desorganização total, isto da preguiça não é fácil. Cá me apareceu a pequena, depois do almoço! Que toda a gente sabe que gosto dos pequenos sim, mas agora o jeito que eu tenho só eu é que sei. Já dava por mim a perguntar à miúda o que é que ela queria para ela não ficar deprimida. Foi então que me lembrei do karaoke, da ida ao McDonald's para o gelado que acabou com um happy meal (mau para mim que não resisti e caí na tentação. Mas nesta altura ainda não me tinha pesado). Depois lá jogámos um UNO (coisa que me esqueci de referir no post do fim-de-semana - "joguei UNO com uma das minhas melhores amigas") ah, e foi nessa altura que hoje me encontrei com a C.! Já só nos riamos... Ali todos. Foi tão giro. Mesmo os comentários menos apropriados deram uma animação à tarde, e dp há coisas que não podemos (nem queremos) levar a sério ("És gorda!" - foi a pequena sim que mo disse, mas eu não me importei) e antes de se ir embora ainda lhe fiz uma trança, e durante a tarde ainda a deixei estar no computador e ir à net. Quem ficou contente deve ter sido a minha mãe! Não tenho por hábito ir passear os cães, isso é uma obrigação que cabe à minha mãe mas pronto, às vezes sobra para mim - como hoje - A pequena B. quis muito ir passear os cães e lá fomos nós. Ao inicio estava com medo que a miúda não gostasse da tarde como gosta de mim, mas no fim só de ouvir dizer "Eu peço à minha mãe para me deixar ficar mais um bocadinho" foi bom sinal :)
A pequena vai fazer 9 anos, este ano.

Sem comentários: