terça-feira, 2 de junho de 2009

sexualidade nas escolas


Acho que sim. Não sei se teve alguma coisa a haver mas hoje tivemos de facto uma palestra sobre a sexualidade, os métodos contraceptivos e as doenças sexualmente transmissíveis. Não é assunto novo. Volta não volta há sempre uns tótós que ainda não têm uns testiculos maduros para o assunto e umas tontas que a progesterona não desencadeie nuns sorrisos estúpidos. Volta não volta também há aqueles sussurros baixinhos que transformam em piadas estúpidas de que todos se riem. Mas eu não, eu aguentei-me. Não é que não fosse interessante porque é sempre algo educativo e diferente. E de facto todos anos é como se fosse obrigatório ter uma aula destas. A nossa turma não estava sozinha, estávamos com os do ano a seguir. Desta vez, não vou dizer que os mais velhos continuam a ser sempre os mais cachopos porque realmente não houve competição. Estiveram todos à mesma altura. E eram preciso imagens e histórias para perceber que a sexualidade não é só sexo nem diversão. É algo que tem de ter pés e cabeça. Que tem que ser pensado, não estou a dizer programado. Há opiniões diferentes para qualquer tipo de assunto umas mais certas que outras mas sempre discutíveis. Há espaço para dúvidas a que poucos se atrevem. Há o conhecimento de consultas para estes e outros assuntos na escola. Sim lá ficamos sempre intimidados com assunto ficamos. E depois ficamos com as dúvidas cá dentro. As quais podemos sempre esclarecer lá fora. Mas sim, é sempre educativo. Pelo menos aprendemos sempre alguma coisa.

1 comentário:

Mário Duarte disse...

Claro que é importante ter essas palestras...

É verdade que hoje em dia temos acesso a montes de informação sobre isso e que toda a gente já pensa que sabe tudo mas mesmo assim ainda acontecem "desastres" :) quanto mais palestras, mais as pessoas ganham bagagem para fazerem menos "asneiras"...por isso devemos encarar estas sessões com seriedade...

Aos que não tomam atenção nenhuma só lhes desejo sorte e espero que eles saibam mesmo tudo...já temos pessoas a fazer asneiras que chegue :)