quarta-feira, 17 de junho de 2009

não, não estou contente com o seu serviço.


(Há quem acha isto um nojo, eu sei -não o meu braço todo musculado, mas sim o 'inchar' - Mas é para observarem o ponto da situação)


Como todos os dias acontecem imensas coisas que marcam cada dia, e ontem para além de ter tido (felizmente) a minha última aula de físico-química e de ter chegado meia hora atrasada - porque tive de ir fazer análises - foi uma manhã deprimente. E de seguida uma noite deprimente. Normalmente lá as doutoras quando tiram sangue vêm primeiro onde é que dá mais jeito (ao que parece onde a veia é mais visível, vá) e a doutora que me chamou lá para o gabinete pegou simplesmente numa agulha maior que o meu nariz e ia para espetar logo no braço direito, quando desde sempre me tiram sangue do lado esquerdo. Eu sei que ela não era obrigada a saber, mas tinha de ser responsável pelo seu trabalho e olhar para os dois braços. Eu quando era pequena até me ria, mas entretanto cresci e já não acho muita piada. É que enquanto somos pequenos há dores que não sentimos, mas quando somos grandes sentimos muitas dores ao mesmo tempo. "É só uma picadinha!" está bem está! Depois obrigatoriamente que a minha necessidade era comer, e lembrei-me de levar qualquer coisa de casa porque depois tinha de ir toda sorridente para a minha última aula. E eu, desde que tirei sangue tenho o braço inchado. Mas vocês não têm noção de como isto está inchado e do quanto isto me chateia com as dores que tenho tido. E o mais incrível é que nunca me aconteceu. Porque apesar de já me terem sempre tirado sangue no braço esquerdo, nunca me tinham tirado nas veias de lado. Eu estou só um bocado com vontade de ir lá perguntar se isto é normal. Mas como as minhas amigas acham sempre que eu tenho a mania das doenças e quê não deve ser nada de grave (ah pois não!).

1 comentário:

Mário Duarte disse...

Lá estas tu a arranjar desculpas para o teu braço excessivamente gordo...e uma dietazinha? :P

Essa foto do teu braço tá horrível...faz lembrar uma peça da charcutaria...uma mistura de morcela, chouriço e farinheira...

Admiro que consigas tirar sangue do teu corpo...eu basta ver a agulha e já fico branco e prontinho a bater as botas...bahhh