domingo, 14 de dezembro de 2008

é estupendo a maneira como eu mudo de planos e objectivos todos os dias

Não tem sido tarefa fácil, o meu estado de saúde. Ela diz que é para eu não andar tão preocupada, ele diz q não há-de ser nada e se for ele e os meus amigos estão cá para me ajudar, eu preocupo-me e acabo por preocupá-las/los também. Não quero chamar a atenção de ninguém e muito menos quero que tenham pena de mim, sempre ouvi dizer que a saúde é muito importante, e se não fosse eu não estaria assim. Sei que há milhões de gente com cancros, milhoes de gente que combatem contra a cegueira, contra a paralisia, milhoes que ficam assim para o resto da vida,.. também sei que isto pode ser temporário ou eterno, mas o tempo é de anos, não de dias como a gripe. Quando desabafo a minha preocupação ouço 'é uma simples gripe' mas explico logo que não tem nada a haver com a gripe.. Sim gosto do apoio que os meus amigos me têm dado, é bom não nos sentirmos sozinhos, é mau estarmos em casa fechados deitados numa cama durante umas 30 horas sozinhos e assim. Senti a falta delas e deles. Já estava a dar em maluca se não desse um pulo á rua! Mas parece que isso não me favoreceu muito.
Acho que depois de toda esta minha preocupação, deste desespero, destas tais incertezas vou tentar curar esta gripe para sim depois ter certezas do que me foi dito... e se for mesmo verdade, vai ser mais uma barreira que vou ultrapassar, é mais um degrau que vou ter que querer subir, vou ter que levar a sério, e já sei que um passo em falso fazer-me-á pior, portanto o melhor é não cometer loucuras, apesar de me custar aceitar que devo ter que fazer mudanças em mim (depois de tudo o que me deram e me habituei, deve custar-me!). Hoje sinto-me com forças para viver, o que há dois dias não era assim, e guardo as coisas para mim.
os desabafos são bons, mas cada um tem a sua vida, e a nossa devemos ser nós a dar a volta, não o mundo a volta.la de desabafos, ás vezes prefiro continuar a ser reservada com a minha, mas admiro imenso a (vossa) amizade

Sem comentários: